Ferroviária e São Bento empatam sem gols pelo Paulistão


Ferroviária e São Bento empatam sem gols pelo Paulistão

 sao bento ferroviariaGoleiro Henal é o grande destaque do jogo

Jogando na noite desta sexta-feira, a Ferroviária empatou com o São Bento por 0 a 0, pela sexta rodada do Paulistão 2019.

Melhor em toda a partida, a Locomotiva criou diversas chances, principalmente na primeira etapa, quando o goleiro do time da casa, Henal, fez grandes defesas, evitando um placar que favorecesse o time grená.

Apesar do empate, a Ferroviária assume provisoriamente a liderança do Grupo C com 8 pontos ganhos, restando ainda os jogos de Corinthians contra o Novorizontino e do Mirassol diante do Santos, que jogam neste final de semana, e do Bragantino, que enfrentará o Palmeiras na segunda-feira.

O próximo duelo da equipe araraquarense será diante do Palmeiras, no próximo domingo (17), às 17h, na Fonte Luminosa. Já o São Bento fará duelo contra o Oeste, segunda-feira (18), às 17h30, na Arena Barueri.

O JOGO

A primeira chegada com perigo aconteceu por parte da Ferroviária aos 10 minutos. Jorge Eduardo cruza, a zaga afasta mal e a sobra fica com Tony. O volante cruza no meio da área, Fellipe Mateus ajeita e chuta forte, mas Henal faz grande defesa, mostrando muito reflexo e elasticidade no lance.

Já aos 15 minutos, mais Locomotiva no ataque. Em cobrança de escanteio, Diego Mateus coloca a bola na área, Julinho sobe no terceiro andar e cabeceia. A pelota sai raspando o travessão.

Melhor na partida, o time de Araraquara dominava as ações e poderia ter aberto o placar por duas vezes.

Aos 29 minutos, após cobrança de escanteio, a bola sobra para Anderson Uchôa na entrada da área. O volante ajeita e dispara uma bomba de pé direito. A bola sai triscando o travessão do gol de Henal.

A outra oportunidade aconteceu aos 35. Felipe Ferreira puxa o contra-ataque e dá passe açucarado para Jorge Eduardo, que parte para o gol. Na finalização, acaba chutando em cima do goleiro.

Henal se mostrava em uma noite inspirada. Em novo ataque afeano aos 39 minutos, cruzamento da direita, Uilliam cabeceia e o goleiro do Azulão faz defesa espetacular e manda a bola para escanteio.

Na segunda etapa, a Ferroviária começa melhor, mas é o São Bento que consegue criar a primeira chance de gol. Em cobrança de falta de muito longe, Tiago Luís chuta forte e Tadeu faz grande defesa, mandando a bola para escanteio.

Aos 13 minutos, mais Ferrinha no ataque. Jorge Eduardo tabela com Uilliam, que recebe na marca do pênalti e finaliza. Henal defende, solta, o atacante tenta aproveitar, mas a zaga do São Bento afasta o perigo. Na sequência, Uilliam rouba bola próxima área e chuta de esquerda, mas ela sai raspando tinta da trave direita de Henal.

Outra chance clara de gol pintou aos 30 minutos e foi pelos lados do time da casa. Paulo Henrique recebe dentro da grande área e chuta cruzado. Tadeu espalma, a bola sobra para Tiago Luís, que chuta, mas Julinho chega bloqueando e a pelota sai em escanteio.

A Ferroviária tinha mais posse de bola, mas não conseguia chegar com perigo à meta do goleiro Henal. A equipe da casa chegava ao ataque com muito perigo depois das mexidas promovidas pelo treinador Marquinhos Santos.

Aos 40 minutos, o São Bento quase marca. Em cobrança de escanteio pelo lado direito, Tiago Luís Cobra, Henan escora de cabeça, a bola toca no pé da trave e sai em tiro de meta. 

FICHA TÉCNICA

SÃO BENTO 0X0 FERROVIÁRIA
Local: Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba
Data/Horário: Sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019, às 21h
Arbitragem: Lucas Canetto Belotte, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Fábio Rogério Baesteiro
Público:  1.755 torcedores
Renda:  R$28.545,00
Cartões amarelos: Paulo Henrique e Everton Silva (São Bento); Anderson Uchôa, Diogo Mateus e Higor Meritão (Ferroviária)

São Bento  – Henal; Everton Silva, Ewerton Páscoa, Diego Ivo e Guilherme Romão; Fábio Bahia, Edson Ratinho (Éder Luís), Paulinho e Alex Maranhão (Paulo Henrique); Tiago Lúis e Alecsandro (Hena). Técnico: Marquinhos Santos

Ferroviária – Tadeu; Diogo Mateus, Rayan, Elton e Julinho; Anderson Uchôa (Higor Meritão), Tony e Fellipe Mateus (Léo Artur), Uilliam (Lúcio Flávio) e Jorge Eduardo. Técnico: Vinícius Munhoz

Crédito da foto: Beto Boschiero